Google+ Followers

sábado, 26 de janeiro de 2008

A China descobre a Polvora

Os alquimistas chineses descobriram a fórmula da pólvora - salitre,enxofre e carvão vegetal - no século IX. O grande surto das
armas de fogo ocorreu no começo do século XII , quando a dinastia Sung foi assediada pelos tártaros do reino Juechen Jin da Manchúria oriental.
Nos 200 anos seguintes, quando os jins conquistaram o norte da China e foram derrubados, por sua vez, pelos mongóis houve uma corrida armamentistas entre defensores e invasores. Lança-chamas de bambu evoluíram para armas com cano de metal.
Granadas incendiárias de papael deram lugar a bombas de ferro que derrubavam muros de pedra.
Quando a tecnologia da pólvora chegou a Europa, usada pela primeira vez em 1324 no cerco de Metz, hoje na França, o efeito foi explosivo, uma vez que somente os reis podiam ter grande número de mosquetes e canhões, o poder da nobreza declinou.



Estados centralizados, com exércitos permanentes, substituíram os feudos.
A vulgarização dessas armas acabou nivelando as forças,dando vez a uma era de revoluções, guerras mundiais, levantes de guerilhas e ataques terroristas.


Nenhum comentário: