Google+ Followers

quinta-feira, 29 de maio de 2008

Jim Thorpe

Nas Olimpiadas de 1912 realizadas em Estocolmo
Suécia,teve destaque a delegação dos Estados Unidos
em especial um índio superatleta ,cujo nome
era "Destino Brilhante".

Vou explicar:

Nascido numa aldeia índigena "Destino
Brilhante",(era o seu nome) foi convidado a estudar
no Instituto Carlisle, uma escola só para índios .
Lá, ele continuou se revelando o melhor de todos,
não só corria como saltava e arremessava peso
muito bem.
Como se não bastasse , tornou-se um excelente
jogador de beisebol e de futebol americano.
O superatleta terminou integrando a equipe
dos EE.UU que foi participar das Olimpíadas em
Estocolmo em 1912.
Pela vez primeira na história dos Jogos Olímpicos,
um único atleta, um índio ganhava as duas provas
atléticas combinadas:

O pentatlo e o decatlo.

No Pentlato há 5 competições diferentes.
No Decatlo, dez.
O público o aplaudiu de pé por suas vitórias,mas a
maior festa ficou para a sua volta em Nova York,com
toda a população saindo à rua para aclamar o
herói Jim Thorpe.(maior sensação daquela Olimpíada)
Infelizmente a alegria de Destino Brilhante durou
muito pouco. Ele foi acusado de profissionalismo.
- diseram que havia recebido pagamentos para jogar
beisebol(durante as férias) e, como punição, o
Comitê Olímpico dos Estados Unidos o obrigou a
devolver as duas medalhas de ouro que conquistara
em Estocolmo.
Como se não bastasse, seu nome foi retirado da
relação dos ganhadores.
Apesar de tudo isso, "Destino Brilhante" - Jim Thorpe
entrou para a história das Olimpíadas.

Nenhum comentário: