Google+ Followers

terça-feira, 21 de abril de 2009

Sentenca de Tiradentes




















Esta casa ,hoje transformada em museu, era onde o Alferes Joaquim José da Silva Xavier - mais conhecido por Tiradentes se hospedava, quando vinha para Paraíba do Sul. Quando o seu corpo foi esquartejado conforme sentença , aqui foi enterrada uma de sua perna.

Museu Tiradentes



Joaquim José da Silva Xavier, por alcunha o 'Tiradentes', alferes que foi da tropa paga da capitania de Minas Gerais ,e a quem com embaraço e pregão seja conduzido pelas ruas públicas ao lugar da forca, e n'ella morra morte natural para sempre, e que depois de morto lhe seja cortada a cabeça e levada á Vila Rica, aonde em lugar público d'ella será pregada em poste alto até que o tempo a consuma; seu corpo será dividido em quatro quartos e pregado
em postes pelo caminho de Minas Gerais, no sítio da Varginha e de Sebolas, aonde o réu teve as suas infames práticas, até que o tempo também os consuma.
Declaram o réu infame, e infame os seus filhos e netos, os seus bens serão confiscados,
e a casa em que vivia em Villa Rica será arrasada e salgada, e que nunca mais no chão se edifique, e não sendo próprias, serão avaliadas e pagas ao seu dono pelos bens confiscados, e ao mesmo chão se levantará um padrão pelo qual se conserva em memória a infâmia d'este abominavél réo.



Aqui Tiradentes pregou a liberdade!

(cidade de Paraíba do Sul - Sebolas é um distrito desta cidade)

Nenhum comentário: