Google+ Followers

sexta-feira, 17 de julho de 2009

Liberdade

Sou livre quando amo o que faço;

Sou livre quando amo as coisas e os homens porque o amor os faz mais livres e eu menos escravo

Sou livre quando aceito e defendo a liberdade dos outros;

Sou livre quando a minha liberdade vale mais que o dinheiro,

Sou livre quando consigo em tudo descobrir bondade,

Sou livre quando aceito que o mais importante é a minha consciência

Sou livre quando me sei dar sem exigir possuir,

Sou livre quando creio que Deus é maior que o meu pecado,

Sou livre quando sei que, na hora do fracasso, é sempre tempo de recomeçar ,

Sou livre quando creio firmemente num homem como eu que, depois de ter morrido, continua a viver para sempre,

Sou livre quando sou capaz de amar o instante da vida que tenho nas maõs,

Sou livre quando estou consciente de que nem tudo me convém;

Sou livre quando, acorrentado, continuo a gritar o direito à minha liberdade,

Sou livre quando sou capaz de aceitar o que os outros me oferecem;

Sou livre quando reconheço as minhas limitações;

Sou livre se tenho a capacidade de me transformar,

Sou livre quando tento fazer do meu trabalho um ato de criação,

Bem-aventurado os livres, porque possuirão a terra.



Texto de Juan Arias, in Persona pág. 126 a 127

Amicy Santos e outros.

Nenhum comentário: