Google+ Followers

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Dia da consciencia Negra



Há alguns anos, o dia 20 de novembro ganhou um significado muito especial no contexto histórico deste país. A Câmara de Vereadores da cidade do Rio de Janeiro, ouvindo os anseios populares em votação declara que a partir daquele dia esta data seria festejada como feriado na cidade do Rio de Janeiro que foi posteriormente estendida para todo o Estado . Atualmente, vários estados do brasileiros , passaram também a comemorar ( muito merecidamente por sinal ) como feriado em seus Estados. Neste dia, 20 de Novembro - dia da morte de Zumbi , foi dedicado a exaltação da raça negra pelo muito que deu de si para a construção deste país.
Os africanos e os seus descendentes durante para várias gerações, nasciam , cresciam, e morriam debaixo do açoite na senzala. Os negros africanos feitos cativos, eram vendidos como meras mercadorias.
Originários do Continente Africano ,as grandes nações européias iam pegar "as peças" que abasteciam todo o mundo. A escravidão foi estremamente cruel para todos os seres humanos, que eram feitos prisioneiros na África (seu país de origem).
A partir da sua captura , extinguiam-se toda a forma de cidadania.
Os africanos quase sempre envolviam-se em guerras tribais,sendo que os vencidos eram feitos prisioneiros (facilitando a troca com os europeus) os chefes africanas , mantinham os prisioneiros para trocá-los por aguardente, fumo, espelhos , bugigangas enfim . Os navios chegavam abarrotados de mercadorias e na volta ...abarrotavam-se os porões 'com peças'ou 'mercadorias', onde grande parte morriam pelas péssimas condições de higiene . Outros adoeciam de uma doença chamado 'banzo' ,uma espécie de melancolia ,uma saudade muito grande de seu torrão natal, recusavam todo alimento, os cabelos embranqueciam do dia p'ra noite. No Brasil os negros africanos eram originários de Angola, Moçambique,Congo...
Poucas vozes se levantavam para denunciar a indignação contra tal tratamento desumano . Aqui no Brasil( um dos últimos países a abolirem tão nefasto comércio) a abolição foi declarada pela princesa Isabel em 13 de maio de 1888. Foi feita a abolição de forma , mesquinha. O negro africano teve que sair das terras do senhor , sem nada poder levar - pois como escravo nada possuía de seu.
Nesta região onde resido conhecido como Vale do Paraíba , existiam muitas fazendas dedicadas ao cultivo da cana-de-açucar e posteriormente ao cultivo do café . Os senhores ficaram conhecidos como 'Barões do Café' tal o fausto em que viviam, seus filhos eram enviados para a Europa,onde concluíam seus estudos. Móveis e utensilhos, também vinham de lá.
O preconceito do povo brasileiro, é enrustido, embora hoje existam leis de proteção contra a discriminação. Haviam muitos ditados que fortaleciam este preconceito.

Veja a seguir, alguns exemplos:

(...) Fulano é um preto de alma branca.

Preto é assim mesmo ... quando não caga na entrada,caga na saída.

Amanhã ...é dia de branco (dia de trabalho )n'uma alusão que o branco é trabalhador.

Branco correndo é atleta, preto correndo é ladrão.

Ovelha negra , simboliza a pessoa que não deu certo.

E assim vai, é assim que se diminui um semelhante da raça negra. Felizmente as piadas de péssimo gosto , já não fazem rir como antigamente.
Não só o Brasil, mas o mundo tem uma grande dívida de gratidão para com os descendentes africanos,afinal , foram eles que ergueram esta nação. Felizmente , 'não ostentamos o título de raça pura' somos uma nação de "miscigenados".

Valeu,Zumbi!


Zumbi dos Palmares


No ano de 1600 os negros fugidos do trabalho escravo nos engenhos de açucar de Pernanbuco, fundam na serra da Barriga, o Quilombo de Palmares ;chegam a 30 mil os escravos. Palmares é a Terra da Promissão.

Em 1630 - Os holandeses invadem o Nordeste brasileiro

Em 1644 - Tal como falharam os Portuguses os holandeses falham na tentativa de aniquilar o Quilombo de Palmares .

No ano de 1654 - Os portugueses expulsam os holandeses do Nordeste Brasileiro.

Em 1655 nasce Zumbi

Em 1662 Zumbi é aprisionado por soldados e é dado ao padre Antônio Melo era criança . Foi batizado com o nome de Francisco, nas celebrações ajudava como coroinha, estudou português e latim . Em 1670 Zumbi fugiu e regressou a Palmares.
No ano de 1675 , travou-se uma violenta batalha, os soladados eram comandados pelo sargento-mor Manoel Lopes. Zumbi tornou-se um grande guerreiro e um grande estrategista. Em 1668 o governador da capitania de Pernanbuco Pedro de Almeida , interessado na submissão dos quilombolas propôs ao chefe do quilombo Ganga Zumba a paz e a alforria para os quilombolas , Ganga Zumba confia e aceita. Em 1680 Zumbi como líder comanda Palmares liderando a resistência contra as tropas portuguesas.
Em 1694 - O bandeirante Domingos Jorge Velho e Vieira de Mello comandaram o ataque final contra a Cerca do Macaco, principal mocambo de Palmares, embora ferido, Zumbi conseguiu fugir.
Em 1695 no dia 20 de novembro ,Zumbi denunciado por um antigo companheiro , foi preso e degolado.

Nenhum comentário: