Google+ Followers

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Nasce o Salvador

Peço licença ao amigo e poeta Paulo Celso, para postar.



Nasce o Salvador do Mundo

Vens com finalidade
De modificar o caminho da humanidade,
Surges destinado a mudar por completo
O ritual do universo
Não há porém,
Lugar para o teu nascimento,
Portas fechadas...rumos incertos...

Chegas qual água da fonte
Jorrando pura e cristalina;
És a vontade Divina
Que se faz presente,
Uma dádiva caída do céu
Com uma traçada sina...

Deixam os mais ricos palácios,
As mansões, as casa mais finas
Pra nascer entre pedras e capins,
Iluminado pelo clarão da lua,
Longe de tudo e solitário...
O Salvador nasce enfim!

Um nascimento sem fascínio algum,
Tudo inerte ao teu redor,
Nada participa, nada contribui,
Quem te saúda é a natureza;
Não tens coroa, somente terás
Uma estrela pra te guiar.

Em teu coração resplandescente,
Mais brilhante que o ouro ou o sol
Trazes o mais puro sentimento,
Propagarás o amor e a paz;
Sabes que o teu final já está escrito,
Por muitos serás traido,
Ferido, esquecido...


(imagens:recanto da lidia)

Nenhum comentário: