Google+ Followers

quarta-feira, 24 de outubro de 2007

Poderes da Soja

A soja tem sido muito debatida atualmente por causa das descobertas fantásticas a respeito das suas propriedades.

Excelente fonte de proteínas, fibras, minerais e ácidos graxos, a soja é considerada a mãe dos alimentos funcionais. Vários estudos científicos comprovam a ação da soja na prevenção de doenças, como problemas de coração, alguns tipos de câncer, osteoporose, mal da Alzheimer e sintomas da menopausa nas mulheres. Além desses benefícios, a soja é uma excelente fonte de proteínas da mais alta qualidade.

Para quem pratica atividades físicas a proteína de soja fornece os aminoácidos essenciais para obtenção de excelentes resultados. Além disso, as pesquisas mostram que a proteína de soja pode acelerar a recuperação dos músculos após os exercícios.

No combate às doenças cardíacas

Pesquisas recentes revelam que no controle do colesterol, a soja diminui os níveis de LDL, o chamado colesterol ruim, aumentando a quantidade de colesterol bom (HDL) no sangue.

Além disso, ela inibe a oxidação do colesterol e impede a formação de coágulos e o crescimento das células que formam placas nos vasos sanguíneos.

O FDA (Food and Drug Administration), órgão que regulamenta a produção de alimentos e medicamentos nos EUA, recomenda a ingestão diária de 25g de proteína de soja, que corresponde a cerca de 60g de grãos para o controle dos níveis de colesterol e triglicérides, reduzindo assim os riscos de infarto, trombose, arteriosclerose e acidentes vasculares cerebrais (AVC).

Na prevenção do câncer

Outro benefício proporcionado pela soja é a prevenção de alguns tipos de câncer, como o de mama, próstata e cólon. A baixa incidência de câncer de próstata e de mama entre as populações orientais é atribuída ao alto consumo de soja nesses países.

Estudos feitos na China e no Japão mostram q o consumo diário de 60 a 80mg de isoflavonas, substâncias fitoquímicas presentes na proteína de soja, pode reduzir em até 22% o risco de câncer de mama.

No Brasil, pesquisas do Instituto Nacional do Câncer mostram que o consumo do grão pode diminuir o risco de se contrair câncer na região das mamas, em função da ação das isoflavonas.

No alívio dos sintomas da menopausa e prevenindo a osteoporose

Além da prevenção contra o câncer, a soja ameniza os sintomas típicos da menopausa como as ondas de calor. Outra razão para que não fique fora do cardápio das mulheres é que as isoflavonas ajudam a preservar a massa óssea, prevenindo a osteoporose.

As isoflavonas - principal componente bioativo da soja - podem ser usadas durante a menopausa como alternativa à reposição hormonal, pois apresentam semelhança estrutural com os hormônios estrogênicos.

Na prevenção do mal de Alzheimer

Entre as pesquisas mais recentes envolvendo os benefícios da soja para a saúde e na prevenção de algumas doenças destaca-se um estudo sobre o mal de Alzheimer.

A coreana Helen Kim, chefe do departamento de Farmacologia e Toxicologia do Centro de Envelhecimento da Universidade do Alabama (EUA), descobriu que a adoção de soja nas dietas das mulheres diminuiu a tendência de desenvolver a doença,por isso e por tudo mais devemos incluir a soja na nossa alimentação.

Nenhum comentário: