Google+ Followers

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2008

Beija - Flor - Bi-Campeã

1º) lugar - Beija-Flor de Nilopólis
399,3 pontos
O enredo sobre o Macapá , cidade do extremo norte do País,
desvenda mistérios do folclore e da cultura.

2º) lugar - Salgueiro
398 vice-campeã
O Salgueiro apostou na tera do samba e ganhou o vice-campeonato foi o melhor resultado dos últimos anos,o Rio de Janeiro parece dar sorte para o Escola de Samba Salgueiro.

3º) lugar - Escola de Samba Grande Rio
396,9
Pelo quinto ano consecutivo, a Grande Rio ficou entre as 3 melhores escolas do grupo especial foi motivo de festa na quadra da Escola de Samba de Caxias.

4º)lugar - Portela
396,8
Depois de 10 anos, a Portela que apresentou o enredo "Reconstruindo a natureza, recriando a vida" vai se apresentar entre as campeãs. O quarto lugar levou uma multidão à quadra, em Madureira, como há muito não se via.
A escola levou a maior Águia de sua história, com 22 m. de comprimento.


5º) lugar - Unidos da Tijuca
396,5
Fez um bonito desfile.

6º) lugar - Imperatriz Leopoldinense
396,5
Trouxe de volta a bela, carismática ,Luiza Brunnet que encheu os olhos
de toda a Sapucaí.

7º) lugar - Viradouro
396
Enredo "É de Arrepiar"
A sétima colocação causou arrepios na escola,ninguém esperava isso.
A escola teve um carro vetado, o carnavalesco Paulo Barros, misturou carnaval com protesto contra a censura e trocou Hitler por um Tiradentes martirizado.

8º) lugar - Mocidade Independente de Padre Miguel
395,1
Também apostou na vinda da família real para o Brasil,o enredo não deu sorte não participara do desfile das campeãs.(só as 06 primeiras que participam)

9º) lugar - Vila Isabel
394,6

10º) lugar - Estação Primeira - Mangueira
393,9
Um dos piores resultados dos últimos tempos ,duas posições
apenas da última colocada.
Foi o pior resultado em 25 anos.

11º ) lugar - Porto da Pedra
388,2
Enredo "Tem pagode no Maru" - 100 anos da imigração
japonesa

12º ) lugar - São Clemente
387,5
Desce para o grupo de acesso, a escola apostou no enredo 200 anos da chegada da Corte portugesa ao Brasil.

Nenhum comentário: