Google+ Followers

quinta-feira, 27 de março de 2008

Barao de Coubertin

Pierre de Fredy nasceu em Paris no dia 1º de janeiro de 1863, tornou-se famoso e importante na história do esporte por ter (re)criado os Jogos Olímpicos da era moderna.
Na juventude dedicou-se à educação dos jovens,ele tomou conhecimento das idéias do educador inglês Thomas Arnold.
Para Arnnold, o esporte era a melhor forma de levar os jovens a gastarem suas energias de modo mais saudável, a partir daí, o barão começou a alimentar um sonho: promover uma grande festa internacional do esporte.

- Quero uma festa que faça inveja aos deuses do Olimpo.

O resutado foram os Jogos Olímpicos , que renasceram em Atenas, em 1896.
Pirre de Fredy, o Barão de Coubertain, morreu no dia 02 de setembro de 1937, em Genebra na Suíça.
Seu corpo, lacrado numa urna de bronze, está agora sepultado em Olímpia, junto ao templo erguido para os deuses gregos.

Sua célebre frase até hoje é lembrada:
"O importante não é vencer,mas competir".


Atenas, 1896

I Jogos Olímpicos.

Cerca de 80 mil pessoas lotavam o estádio de Atenas na tarde de 06 de Abril de 1896,
a data entraria para a história do esporte,naquele momento renasciam oficialmente os Jogos Olímpicos.
No gramado estavam presentes 285 atletas de 13 países.

Paris 1900

II Jogos Olímpicos

As Olímpiadas consegui reunir 1060 atletas.

E á partir daí uma frase ficou para sempre consagrada:

CITIUS - ALTIUS - FORTIUS

Traduzida do latim,ela tem o seguinte significado:

"Mais rápido,mais alto,mais forte"

Em qualquer competição esportiva, não só nas Olímpiadas - todos os atletas procuram correr mais rápido, saltar mais alto e ser o mais forte.

Na Grécia Antiga, os vencedores dos Jogos Olímpicos recebiam coroas de folhas de oliveira.
Atualmente, aos três primeiros colocados de cada prova são distribuídas medalhas.

O ganhador recebe uma medalha de Ouro.
O 2º colocado recebe uma medalha de Prata.
O 3º colocado recebe uma medalha de Bronze.

Normalmente, as medalhas são entregues após cada prova, quando então é executada uma versão resumida do hino do país a que pertence os vencedores.

Nenhum comentário: